GDM ATUALIZADO!

Queridos amigos GDMistas, estamos realizando uma atualização no GDM e talvez alguns pequenos bugs ocorram até o final.
Por favor, reportem erros sempre que ocorrerem, para que possamos corrigí-los o mais rápido possível.

Dúvidas geraismão de obra de um marceneiro

Fórum para dúvidas relacionadas a marcenaria e que não estão listadas nos outros fóruns.
Avatar do usuário
Diogo
GDMista
Mensagens: 159
Registrado em: 31 Ago 2007, 00:34
Cidade: rio de janeiro
Gênero:
Idade: 56

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Diogo » 15 Mar 2010, 21:43

Ola pessoal, tudo bem?
olha so pessoal, sei que este assunto ja foi massivamente abordado aqui no GDM, mas a duvida sempre fica, por exemplo, vive surgindo, pelo menos para mim, serviços que geralmente não sou solicitado, como por exemplo revestir uma parede com madeira, a duvida é sempre a mesma quanto cobrar por um serviço que nunca vc fez, construo muitos moveis, como armarios de cozinha, quarto, banheiro etc... mas quando surge um serviço diferente não sei quanto cobrar por ele, ´pois não existe um indice ou uma tabela de preços de mão de obra, eu pelo menos tenho pesquisado na internet, e não consigo achar alguem por ai se atreve a abordar o assunto? um abraço a todos, Diogo.
Avatar do usuário
Marcao
Colaborador
Mensagens: 6886
Registrado em: 04 Ago 2005, 23:03
Cidade: Santo Andre - São Paulo
UF: SP
Gênero:
Idade: 54

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Marcao » 15 Mar 2010, 22:11

O meu filho, quando surgir esse tipo de serviço, voce pode fazer dessa maneira, calcule o material a ser gasto, e tentta saber quantas horas voce vai gastar para fazer esse serviço, aqui a mao de obra de um marceneiro é em torno de 50,00 a 70,00 por hora, creio que dessa maneira voce nao toma prejuizo, a menos que voce calcule errado o material.


Marcao
A vida é uma sucessiva sucessão de sucessões que se sucedem sucessivamente, sem suceder o sucesso

livro da Luiza....
http://luizapazettoamoremgotas.blogspot ... do-em.html
Avatar do usuário
Diogo
GDMista
Mensagens: 159
Registrado em: 31 Ago 2007, 00:34
Cidade: rio de janeiro
Gênero:
Idade: 56

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Diogo » 15 Mar 2010, 22:26

Ola Marcão, esses valores são por hora?
Avatar do usuário
sanita
GDMista
Mensagens: 152
Registrado em: 26 Set 2007, 11:55
Cidade: Orlandia - SP
Gênero:
Idade: 58

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por sanita » 15 Mar 2010, 22:30

:D Ae Marcão, term uma vaguinha ai pra mim? pois na minha região se cobrar isso que falou por hora vc não pega um serviço, aqui gira em torno de 100 a 150 por dia, dependendo do nivel do marceneiro

Sanitá
maranjo
GDMista
Mensagens: 545
Registrado em: 10 Dez 2006, 23:38
Cidade: mg/mg
Gênero:
Idade: 45

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por maranjo » 15 Mar 2010, 22:39

Poxavida Sanitá,

Amanhã estarei de folga e vou passar por Orlândia, está precisando de um ajudante?, mas pensando bem você está pagando pouco, não compensa, kkkkkkkkkkkkkk


Abraço,

Marcelo
Avatar do usuário
Cid Lessa
Colaborador
Mensagens: 3101
Registrado em: 05 Mai 2008, 18:27
Cidade: Florianopolis/SC
Gênero:
Idade: 44

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Cid Lessa » 15 Mar 2010, 22:43

Opa

Serviço avulso assim, de ter que produzir longe da oficina, eu cobro aqui R$ 200,00 por meio período e R$ 350,00 por dia. Mas aí não é igual na oficina, é das 7:30 as 12:00 e das 13:30 as 18:00, ou seja, períodos de 4,5 horas.
Como é por período, se acabar nomeio da tarde são os mesmo R$ 350,00. Já perdi o resto do dia mesmo.

Abração
Avatar do usuário
Diogo
GDMista
Mensagens: 159
Registrado em: 31 Ago 2007, 00:34
Cidade: rio de janeiro
Gênero:
Idade: 56

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Diogo » 15 Mar 2010, 22:55

é tambem acho que esses valores por hora, estão caros, mas acho que o marcão se enganou, deve estar euforico com a vitoria de virada do parmera, nao é não marcão?
Avatar do usuário
Cid Lessa
Colaborador
Mensagens: 3101
Registrado em: 05 Mai 2008, 18:27
Cidade: Florianopolis/SC
Gênero:
Idade: 44

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Cid Lessa » 15 Mar 2010, 23:50

Amigos

Se o próprio marceneiro acha esse valor que o Professor Marcão colocou como exemplo caro. Se nem o próprio marceneiro valoriza seu trabalho. Quem é que vai valorizar?

Abração
Mael
Membro
Mensagens: 91
Registrado em: 03 Fev 2008, 20:53
Cidade: belo horizonte mg
Gênero:
Idade: 53

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Mael » 16 Mar 2010, 01:49

Ola Amigos, vai um pitaquinho ai!!

O Cid tem razão quanto a volorização do profissional, lembrando que o Marceneiro também é um artista, merecendo ser bem remunerado pelo seu trabalho.

Não devemos esquecer que dentro dos R$70,00 estão:
Conhecimentos adquiridos e confiança do cliente (isto não tem preço)
Equipamentos
Energia Eletrica
Manutenção
Agua/Esgoto
IPTU
Remuneração do Ajudante.

Agora, o que tem de marceneiros trocando alho por cebola, exatamente por não fazer esta conta, não é brinquedo, e tem outra coisa que não devemos esquecer, que o profissional mal remunerado, esta sempre frustrado com sua ocupção, sem esperança e, isto não é bom para ninguem

Vejam o exemplo: Um Senhor vai até a marcenaria do Joaquim e, solicita a ele, que faça um armario de duas portas em madeira Roxinho, de 60 x 60 x 50 cm, para colocar na area de serviços de sua casa, ai o Joaquim cobra R$ 150,00 pelo serviço (so de mão de obra), claro que o Senhor chora, o joaquim fica com dó e, dá o desconto de R$30,00, na confecção do produto que é feito com madeira dura, pode acontecer:
Quebrar o disco de Serra (dentes) (Qual o valor da recuperação ou um novo?);
O motor queimar (qual o valor do conserto?);
A furadeira pifar (qual o valor da furadeira?);
A broca quebrar (qual o valor da broca);
O Joaquim se machucar (vamos torcer para que isto não aconteça nunca).

Claro que isto é um exemplo, mas dá para entender pq o profissional de verdade tem que ter preço de responsabilidade, ou seja, os valores devem cubrir os seus Custos Fixos, Custos Variaveis, Reservas e claro, sua Remuneração bem mercida.

Potanto, quando se fala em valor hora, não esta dizendo que é salario hora.

Abração!

Mael
Avatar do usuário
Kuma
GDMista
Mensagens: 464
Registrado em: 26 Fev 2009, 23:59
Cidade: Florianópolis - SC
Gênero:
Idade: 59

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Kuma » 16 Mar 2010, 01:56

Gente
Vamos orientar e opinar, porém mantendo integra a sensibilidade alheia!
Abração a todos
Kuma
O tempo aprimora a tolerância e nos ensina a discordar com gentileza.
Avatar do usuário
Cid Lessa
Colaborador
Mensagens: 3101
Registrado em: 05 Mai 2008, 18:27
Cidade: Florianopolis/SC
Gênero:
Idade: 44

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Cid Lessa » 16 Mar 2010, 08:39

Opa Kuma

Amigo, só pra ficar mais claro sua colocação, qual o trecho que lesa a íntegra e sensibilidades alheia nesse tópico? Eu não saquei.

Abração
Avatar do usuário
strada
GDMista
Mensagens: 2723
Registrado em: 12 Out 2006, 09:54
Cidade: sao paulo
Gênero:
Idade: 62

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por strada » 16 Mar 2010, 11:16

Mael
bem colocada as suas argumentaçoes , um dia aprendo a me expressar melhor rsrsrs

O problema de custos é sempre um plobrema
Vejamos entao :
Realmente muiiiiito caro 50,00 a hora
veja só voce faz um serviço , leva tres horas e entrega ao cliente .
Por algum motivo nao pode entregar e chama o carreto .
tempo de entrega duas horas x60,00 =120,00
trocou alho por cebola e nem meia duzia por seis
pagou para trabalhar
Infelizmente o eletricista consertar seu aspirador cobra 85,00 a hora , o torneiro mecanico 80,00 a hora , o carreteiro 60,00 a hora e o marceneiro tem de ser 10,00 a hora

Paul singer declarou marcenaria é um ramo mediocre .
Marceneiro a trinta anos desistia da profissao e ia trabalhar de motorista de taxi , office boy de grande empresa que ganhava mais
Meu amigo excelente tapeceiro trabalha hoje de moto-boy , trabalha menos e ganha mais .
Veja o que acontece comigo hoje na empresa
Faço serviço de cortes super simples para construtoras onde poderia colocar ajudante mas uso o marceneiro e cortar pauzinho está dando o dobro que o proprio ramo de fazer estruturas de sofa .
O marcao deu o custo para que nao se tenha prejuiso com certeza e se acham muito cobra-se mais barato e veja o que acontece e conta a nos
Não confundir hora de salario com custo hora
se voce ganha 90,00 por dia periodo de 9 horas , ganha 10,00 pór hora mas com o acrescimo de ferias etc custos sociais seu custo hora é de no minimo 20,00
Mas se contrata um marceneiro só ele te custou 180,00 o dia e se fizer hora extra pode acrescentar no minimo por lei 50% de extra apesar de muitos ainda nao paguem hora extra
e voce ganha nada?
E mesmo voce quando vai ver um serviço , medir no cliente para o orçamento, tres horas no transito , recebe uma ferragem tipo estrovenga que nunca viu etc... tá ganhando ou é di gratis ?
Se um torneiro cobra seis reais um pe torneado é caro ?
não
mas se o cliente ver que le faz esse pes em cinco minutos ele faz as contas e começa a reclamar que seis reais é muito pois viu 72,00 a hora
Strada
Avatar do usuário
PauloBatista
GDMista
Mensagens: 405
Registrado em: 29 Jan 2009, 11:37
Cidade: Novo Hamburgo - RS
Gênero:
Idade: 55

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por PauloBatista » 16 Mar 2010, 16:34

Caro Diogo,
Como pode notar o assunto é tudo menos consensual. Existe realmente um abismo entre valor/hora cobrado e salário/hora. Não sou marceneiro profissional, mas administrador de empresas e já fiz cálculos de estrutura de custos para uma marcenaria. Muito resumidamente o valor/hora deverá refletir:
1) salário do(s) funcionário(s) envolvidos no processo (não esquecer que eles trabalham 11 meses e recebem 13)
2) encargos social dos mesmo e da empresa
3) Materias primas utilizados na fabricação do produto + desperdicio
4) Tempo de deslocação e instalação do produto (tempo+combustivel+pedágios+desgaste viatura+ valor para substituição da mesma)
5) Aluguel do edificio (mesmo que seja edificio próprio)
6) Energia eletrica
7) Custos gerais de fábrica: lixas, água, ferramentas de desgaste rápido, serras, lâminas
8) Amortização dos equipamentos (um dia têm de ser substituidos)
9) Manutenção dos equipamentos
10) Licenças, alvarás, obrigações legais para prevenção de incêndios, etc
11) Lucro da empresa (fundamental)
12) Impostos
13) Pagamento da àrea administrativa (funcionário(s)+computador+papel+cartuchos impressora+telefone+ contador)
14) Algo fundamental: saber se o meu trabalho é continuo ou se tenho períodos que não há trabalho e se vou fabricar apenas uma peça do produto ou produção repetitiva para entrar em economia de escala.
Por isso não me parece que o valor apresentado pelo Marcão nada de excepcionalmente alto dado se tratar de uma empresa (com os custos inerentes ao funcionamento da mesma)

Espero ter esclarecido e não complicado
Abração
Paulo Ildio Batista
Avatar do usuário
Diogo
GDMista
Mensagens: 159
Registrado em: 31 Ago 2007, 00:34
Cidade: rio de janeiro
Gênero:
Idade: 56

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Diogo » 16 Mar 2010, 19:20

ola pessoal acho que causei um pequeno mal estar entre os amigos, não foi essa a minha intenção, me desculpem.
realmente o assunto nunca ira a lugar algum, não tem formula, não tem padrão, não se pode cobrar o que o mercado cobra, por se tratar de um trabalho especifico, quer muitas das vezes é unico, só o seu cliente tem, mais ninguem.
é como um trabalho de um designer, vejo muitas revistas a respeito e ele cobram um dinheirão pelo que fazem, justamente por ser unico, especifico.
é isso mesmo, temos que valorizar a nossa tão escassa profissão.
se cobro caro não faço, se cobro barato o cliente desconfia, é realmente complicado.
a minha intenção foi somente para chegarmos, ou tentarmos chegar a um consenso.
chegará esse dia....................talvez, um abraço a todos, Diogo
Avatar do usuário
Rodney (Rsn)
GDMista
Mensagens: 165
Registrado em: 25 Ago 2007, 21:22
Cidade: Curitiba
Gênero:
Idade: 50

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Rodney (Rsn) » 16 Mar 2010, 20:17

Boa noite

Este é um assunto muito interessante de ser tratado, envolve vários fatores e lugares. Já trabalho a 19 anos com marcenaria e até hoje brigo com a calculadora para ver um preço que não seja abusivo mas também que não traga prejuizo. Muitos marceneiros acabam "queimando" a profissão pois cobram valores muito baixo que demonstram também a qualidade de seus seviços. Setenta reais a hora em São Paulo é muito barato tendo em vista o deslocamento demorado devido ao trânsito, em Curitiba seria um valor interessante, pena que existam os marceneiros que trocam seis por meia dúzia.

Grande abraço :D :D

Rodney
``Nunca desista de seus sonhos´´
www.marcenariastylo.com.br
Avatar do usuário
strada
GDMista
Mensagens: 2723
Registrado em: 12 Out 2006, 09:54
Cidade: sao paulo
Gênero:
Idade: 62

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por strada » 16 Mar 2010, 23:02

Paulo
em um dos itens pode considerar trabalhar 11 meses e recebe 14
faltou o fgts e participação nos lucros que logo logo será o 15
Quero os meus direitos e a minha porte pode ser em dinheiro mesmo
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Brincadeira

diogo
nao causou nenhum mal estar nao , pois é bom trocar ideias
Verdade seja dita , todos brigam com a calculadora
sempre cada um expondo suas ideias , desabafos ,duvidas com certeza
tiraremos boas licoes

mesmo que encontre a formula ideal ainda tem de ver se o mercado paga pela mercadoria , alem de outros fatores como peça pequena é baratinha e péça grande é mais caro .
Tenho modelo de poltroninha chamada anazinha , sem braço que vai mais madeira e mao de obra que uma grande e sempr no mercado muitos cobravam mais barato .
demorou anos para perceberem que dava prejuiso .

Strada
Avatar do usuário
PauloBatista
GDMista
Mensagens: 405
Registrado em: 29 Jan 2009, 11:37
Cidade: Novo Hamburgo - RS
Gênero:
Idade: 55

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por PauloBatista » 17 Mar 2010, 09:19

Strada amigo,
Essa parte do fgts inclui nos encargos sociais .... 15º ???? até nem era problema se conseguissemos os créditos dos impostos que temos direito.
Abração
Paulo
Avatar do usuário
rocco
GDMista
Mensagens: 5412
Registrado em: 28 Mai 2009, 11:38
Cidade: RIBEIRAO PRETO/SP
Gênero:
Idade: 69

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por rocco » 17 Mar 2010, 09:38

como consumidor vou dar uns pitacos,,preço, as formulas não servem para
todos,,tem consumidor de garrafa de vinho de 5 reais e de 500 reais
como tem profissional, de pouco recursos e outro de grande,,isto incluida habilidade
conhecimento
tem o ditado mais vale pingar do que secar,
quem trabalha de graça fica pobre

uma experiencia quando era grafico, um amigo marcineiro pegou um grande serviço
numa fazenda,,como era possuidor de uma perua kombi,,ele me pediu que toda semana
os levasse,,quando inquiri como fazer o preço ele me disse calcule o custo e
multiplique por 04,,o homem é pra la de rico

o dito homem comprou tudo em cerejeira, madeira mesmo,,quando sube o valor
que ficaram os armarios pensei que o valor seria para mim uma independencia
financeira,,para ele foi apenas a realização de um gosto.


rocco
Avatar do usuário
PauloBatista
GDMista
Mensagens: 405
Registrado em: 29 Jan 2009, 11:37
Cidade: Novo Hamburgo - RS
Gênero:
Idade: 55

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por PauloBatista » 17 Mar 2010, 10:13

Caro Rocco,
Faz um tempo que vejo os comentários sempre pretinentes do amigo, mas penso que nunca tivemos uma mensagem direta.
Concordo plenamente quando diz que existe mercado para muita coisa. Exatamente existe vinho de 5, 500, 5000 reais. O que discordo com o amigo, é que o mesmo produtor produza as mesmas linhas de produtos. Vejamos o exemplo dos carros: A wolksvagen e a audi são do mesmo "dono", têm o mesmo chassi e motor, mas são vendidos em concessionárias diferente de acordo com o cliente que querem atingir. Podemos falar igualmente de supermercados: veja o exemplo do Carrefour e do Dia que pertencem ao mesmo grupo empresarial. Um é um grande superfície e outro é mais tipo loja de conveniência.
Voltando à marcenaria, na minha opinião, acho meio complicado que uma marcenaria que faça moveis sobre medida, consiga chegar (e sobreviver) com os preços que pratica uma Casa Bahia. Isto porque a primeira faz uma peça única (corta, monta e acaba) e na segunda o lucro é baseado na duplicação em massa com linha de montagem que inclui ferramentas preparadas para a repetição do mesmo movimento atingindo economias de escala de tempo, processo e materiais incriveis.
Grande abraço
Paulo

Nota: as marcas referidas são utilizadas apenas como exemplo e não exprimem opinião sobre as mesmas
Avatar do usuário
strada
GDMista
Mensagens: 2723
Registrado em: 12 Out 2006, 09:54
Cidade: sao paulo
Gênero:
Idade: 62

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por strada » 17 Mar 2010, 11:09

Rocco
custo multiplicando-se por alguma coisa
exemplo x3
Se eu fizer uma peça usando cedro rosa
por exemplo 0,400 dm3 x2500,00 o m3 = 1.000,00 x3= 3000,00 preço final
Ai o cliente diz :
poe uma madeira mais barata
voce tem um lustrador que é uma fera e deixa igualzinho ao mogno qualquer madeira
desta forma usa mandioqueira (ops!!! melhor dizer Cambará)
0,400dm3 x 1000,00 o m3 = 400,00x3=1200,00 preço final
E é exatamente isso que ocorre no mercado
por isso muitos profissionais dizem :
não trabalhamos com essa madeira
não há como explicar ao cliente
na segunda hipotese voce trabalha mais , se aborrece mais , tem perdas maiores , estraga mais as ferramentas , etc.... e vai ganhar bem menos .
Mesmo que a diferença fosse somente a madeira estaria errado .
Por isso que o acabamento , serviço é bem mais mal feito com madeiras inferiores : a mao de obra tbem tem de ser mais barata , cola , grampos etc...
por isso o pinus e eucalipto tem fama ruim .
Paulo tens toda razao


Mas perguntando e fazendo uma enquete qual seria o valor da hora
Daqueles que acharam 50,00 caro
Qual seria o valor que nao achariam caro?

vamos ver qual valor chegariamos e se esse valor seria possivel manter o seu negocio

Para que o nosso Paizao , o Cid , o Strada (eu mesmo) , etc... nao fiquem com fama de careiro :wink:
Avatar do usuário
Marcao
Colaborador
Mensagens: 6886
Registrado em: 04 Ago 2005, 23:03
Cidade: Santo Andre - São Paulo
UF: SP
Gênero:
Idade: 54

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Marcao » 17 Mar 2010, 11:31

Meu filho Strada, esse negocio de ficar com fama de careiro, não me afeta em nada, pois deixa te contar uma... fiz um orçamento para uma cliente e ela por sua vez achou o mesmo caro, ela pediu desculpa bla bla bla, e disse que ia fazer com outro marceneiro, disse para ela tudo bem cada um tem o direito fazer o que convém.... bom passados uns 3 ou 4 meses ela me ligou, dizendo se eu podia passar na casa dela para consertar algumas coisas que o "outro" fez, ai eu disse, ate posso passar, mas prepara o bolso, pois vou lhe cobrar caro por isso.... então é isso, creio que cada um tem que valorizar sim, pois isso que eu chamo de profissionalismo.


Marcao
A vida é uma sucessiva sucessão de sucessões que se sucedem sucessivamente, sem suceder o sucesso

livro da Luiza....
http://luizapazettoamoremgotas.blogspot ... do-em.html
Avatar do usuário
Adilsonp
GDMista
Mensagens: 1878
Registrado em: 11 Out 2009, 20:42
Cidade: Vitória - ES
Gênero:
Idade: 40

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por Adilsonp » 17 Mar 2010, 13:11

Toda isso sobre preço é muito complicado já que além do tempo e equipo envolvido tem a qualidade do serviço (experiencia do profissional) e o tempo de entrega (capacidade de trabalho).
Quanto ao valor/hora o preço que o Marcao passou é o que por exemplo ele vale e não o que qualquer um vale.
Para o profissional 1 hora = 60min.
Para o "profissional" 1 hora = 25min (com qualidade também duvidosa).

Vou dar um exemplo:

Estou com dois pedreiros trabalhando pra mim, eles ganham por m² produzido. Eles chegam as 8:30 vão comprar pão e tomar café, começam realmente as 9:15, param para almoçar e esse intervalo vai mais de 1 Hora, as 16:20 estão se arrumando pra sair.
Sem considerar que conversam muito.
Pergunto:
Posso considerar que um dia de trabalho deles equivale a outros que levam o dia a sério?

Pra mim já está ficando caro, mesmo pagando por produção, pois tem o tempo (demora) envolvido na tarefa.

Assim ocorre numa marcenaria, um bom profissional trabalha mais horas, rende mais por hora e tem melhor qualidade que outro, logo o seu valor tem que ser maior que o outro.
Sem considerar o material empregado.

Caro é pagar 100 por algo que vale 10.
Barato é pagar 10 por algo que vale 100.
E justo é pagar o quanto vale.

Compliquei!!!
www.oficina44.com.br
Logue-se para ver os links

Errar é humano;
Desanimar é fraqueza;
Desistir é covardia.
(Adilson Pinheiro)
Avatar do usuário
rocco
GDMista
Mensagens: 5412
Registrado em: 28 Mai 2009, 11:38
Cidade: RIBEIRAO PRETO/SP
Gênero:
Idade: 69

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por rocco » 17 Mar 2010, 15:01

na verdade o que eu quiz dizer,,é que é impossivel ter um concenso nacional,,
os carros citados,,em certas epocas saem mais baratos em determinados locais
o copo do Emilio,,se ele só fabricar aquele num tem preço,,se fabricar em serie
ja é possivel por um valor de mercado,,citando exemplo frequento uma roda de
eletricista eles tem um preço por ponto,,e um deles cobra quase o dobro dos
outros,,aonde os outros encontram dificuldade este acha a solução e não falta
serviço para ele,,este topico para um iniciante é bastante util,,mas ele tera de
adequar as opiniões a propria necessidade e a sua região,,agora seria
interessante os do GDM,,que não são profissionais se expressarem.

obs,,comentando com meus filhos os preços aqui citados,,na verdade valorizando
os moveis que fiz para eles,,não acharam caro



rocco
Avatar do usuário
strada
GDMista
Mensagens: 2723
Registrado em: 12 Out 2006, 09:54
Cidade: sao paulo
Gênero:
Idade: 62

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por strada » 17 Mar 2010, 15:13

Paizao
tenho fama de careiro tambem e muitas vezes a diferença de preço é de 5%
suficiente para o cliente dar a outro
Eles dizem que qualquer dinheiro é dinheiro :cry:
Quando a diferença é palpavel e a qualidade bem inferior
eles alegam que pelo preço é melhor

Para consertar a ca.....a do outro nem sempre cobrar mais caro compensa
normalmente a grande maioria dos profissionais evitam fazer isso
pelo simples motivo de que
A responsabilidade passa a ser sua

Adilson
a questao empreita tambem é outro ponto polemico

Existe alguma coisa feita rapida e bem feita ?
muitos dirao que nao
estao certos
mas existe sim
é como o KaKá do futebol
antigamente bons marceneiros e baratissimos
mas veja que essa rapidez só é possivel atravez de diversos fatores

Se voce paga por hora investe em equipamentos
se paga por peça voce não vai investir em equipamentos
Se o funcionario começar ganhar bem
voce dá um jeito de pagar menos ou passa ele por hora e exige mais produção
Se por empreita há enorme desperdicio de materia prima
se por hora ele vai aproveitar melhor o material
e por ai vai
muitos sao rapidos
mas é como correr cem metros
na quinta vez seguida nao vai ter o mesmo rendimento
funcionario registrado trabalha por hora fim de semana
fim de semana faz bico de empreita
durante a semana descansa o corpo no emprego
aprendi que pessoa agil é agil e lerdo sempre ganha o trofeu campeonato de lesmas
pessoa lerda por peça continua lerda
E pessoa rapida , agil ==pressao alta

pessoa devagar , pode cair o mundo == pressao baixa

na verdade lidamos com ser humano
tive funcionario por peça que vinha pontualissimo as 700hs e ia até no maximo 1200 e ia embora
produzia dois sofás
ummarceneiro normal a media é de 1 a 1,5 sofá no maximo
todos reclamavam
não podia ficar a tarde ?
tambem dizia mas digo hoje que o corpo nao aguenta
em 35 anos só um unico vinha no horario e fazia tres por dia
eu mesmo nao acreditava
normalmente por peça , m2 , o cliente nao quer se aborrecer se o cara é lerdo ou nao
por peça rapido e eficiente é sempre o mais caro


outra coisa é que pedreiro é como marceneiro

vai levar 1 dia ==== 1 semana
vai levar 1 semana ===== 1 mes
vai levar 1 mes ===== 3meses
é rapidinho ====== vai se aborrecer

Já que estou escrevendo um livro


pelo principio
peça 100,00 mao de obra mais 100 madeira =200,00 preço de venda ====300,00
lucro bruto 100,00
tres peças no dia 100,00 +100 mad= 200,00 .preço de venda =270,00
lucro bruto 210,00
maior lucro bruto , mais rapidez e mais barata
só tem um pequeno detalhe nao funciona
lidamos com ser humano

Strada
Avatar do usuário
terere
GDMista
Mensagens: 657
Registrado em: 27 Dez 2009, 23:44
Cidade: osasco/são paulo
Gênero:
Idade: 64

mão de obra de um marceneiro

Mensagem por terere » 17 Mar 2010, 16:46

Na minha opinião, caro ou barato depende de quem vai comprar, o que vai comprar, e o que pode comprar! quem pode comprar uma Ferrari, compra uma Ferrari, e quem pode comprar um fusca ou nem ele, não anda nem no bairro Jardins! Porisso se voce é um marceneiro, sabe seu valor, e cobra por ele! Quem pode comprar, compra, quem não pode vai à casa bahia! Cada um tem seu preço, e tem que viver por ele! Não podemos generalizar e nem tabelar!
Um abraço à todos! :D
Quem corre atrás sempre alcança!
Responder
  • Tópicos Semelhantes
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem