Fórum:   
Esqueceu?
Guia do Marceneiro
DICAS E TÉCNICAS PARA MARCENEIROS - USANDO O GRAMINHO
 
USANDO O GRAMINHO
O Graminho para madeira é uma ferramenta indispensável para aqueles que trabalham com madeira, seja marceneiro, carpinteiro ou bricoleiro.
Com ele podemos fazer marcações repetidas, quantas vezes forem necessárias, bastando galgá-lo apenas uma vez, usando um instrumento de medição como a trena, o paquímetro ou o metro.
Sem o uso do graminho as marcações teriam que ser feitas usando um instrumento de medição e um de marcação como o lápis, por exemplo.
Desta forma, teríamos que medir e marcar cada marcação, uma à uma.
Outra vantagem do graminho é a de poder copiar medidas diretamente de um objeto para marcar outro objeto como, por exemplo, uma dobradiça ou uma fechadura.

Veja abaixo algumas dicas de como galgar e usar o graminho.

Riscador
Para galgar seu graminho, a primeira coisa a fazer é verificar se a altura do riscador esta correta.
Para isso, gire o manípulo do riscador para folgá-lo, em seguida posicione-a cerca de 5 à 6mm par fora do cabo.

Galgando o Graminho
Após ter regulado a altura do riscador, galgue a medida que deseja usar nas marcações.
Isso deve ser feito usando um instrumento de medição qualquer, como paquímetro, trena ou metro.

galgando c/ dobradiça
Você também pode usar o próprio objeto que for instalar como referência à galga do graminho.
Por exemplo, se for instalar uma dobradiça, pode simplesmente encostar a extremidade da aba da dobradiça no batente do graminho e, em seguida, posicionar o riscador na extremidade interna da aba.
O mais importante em qualquer caso é que, quando for galgar o graminho, deve-se posicionar a ponta do instrumento de medição no batente e ajustar até que o riscador fique posicionado corretamente e dentro da medida conforme seja necessário. Feito isso, basta apertar o manípulo do batente para travá-lo na posição.

Riscando com Graminho
Após galgar o graminho, você já poderá usá-lo em sua função de marcar através de riscos ou pontos.
Para riscar, não exerça muita pressão sobre o graminho, apenas o suficiente para que seja feito um risco suave.
Evite fazer riscos muito profundos, isso podera causar lascamentos no percurso do risco.
Controle a pressão do riscador, de forma que você obtenha uma linha consistente.
Encoste a guia em diagonal na superfície e em seguida incline-a até que o riscador encoste na madeira.
Não deixe que o riscador passe da borda da madeira, isso pode causar o lascamento.
Ao invés disso, pare de riscar antes do final e comece a riscar pelo outro lado até que os riscos se encontrem.

retocando o risco


Se você tiver dificuldade em ver a linha riscada, passe a ponta de um lápis bem afiado no risco, de forma que o grafite possa melhorar a visualização do risco.
Deixe que o próprio risco guie o lápis. Após terminar o trabalho para o qual o risco foi aplicado, use uma borracha para remover o grafite deixado pelo lápis.


 
1999/2017 Guia do Marceneiro ®  -  Criado e mantido por Sidney G. Cury